15 junho 2009

Desvario

Uma boa comédia ou um teatro absurdo é bom de vez em quando. Faz com que a gente perceba o quanto a gente é normal. Ou o quanto é normal ser um pouco louco. No último sábado fui colocar em dia minha agenda com o teatro e fui assistir Desvario.



A montagem de Desvario é baseada em texto homônimo do dramaturgo chileno Jorge Diaz, foi escrita em 2002 e caracteriza-se pelo humor sarcástico, da temática e do jogo de palavras, que fizeram a obra de Diaz ser associada pela crítica ao Teatro do Absurdo.

Com um maluco com uma mala no lugar da cabeça, a peça começa quando esse mesmo rapaz pergunta a si mesmo e a sua suposta mulher se está indo embora ou se está chegando em casa. Tudo começa a ficar mais absurdo quando as demais personagens entram em cena. Repetições, dublagens, danças, sátiras, tudo faz com que boas risadas sejam tiradas até mesmo do mais rabugento espectador.

Devo destacar, sem dúvidas, a atuação de Elisa Volpato, que encanta e fascina com sua ousadia sob a peruca chanel e seus claros olhos. Com uma incrível presença, ela domina o texto com uma destreza impecável, fazendo qualquer um cair em todas as suas loucas histórias inventadas. Fascinante.

Só acho uma pena terem explorado pouco o talento de uma atriz que demonstrou ter excelente expressão facial. Joana Vieira só faz algumas ligações de cenas, não falando uma só palavra. Soube que houve problemas, que ela entrou de última hora no espetáculo, por isso torço para que ela cresça com mais tempo de apresentação.

Os demais atores também são muito bons, fazem um bom conjunto com o cenário e elementos de cena que tornam-se bastante adequados ao teatro. Enfim, vale a pena conferir, fica aí o serviço pra quem for de Porto Alegre:

Local: Teatro de Câmara Tulio Piva
Preço(s): R$ 15. Desconto de 20% para Clube do Assinante ZH e de 50% para estudantes, idosos e classe artística.
Data(s): 12 de junho a 12 de julho de 2009.
Horário(s): Sexta e sábado, às 21h. Domingo, às 20h.
Direção Tainah Dadda
Com Leandro Lefa, Ursula Collischonn, Elisa Volpatto, Lucas Sampaio e Joana Vieira
Foto: Elisa Viali / Divulgação