29 abril 2008

Colcci

Quem se lembra do bonequinho ridículo que era o logo da Colcci em meados dos anos noventa? Um bichinho feioso estranho, com orelhas compridas e caídas, amarelo, se não me engano. E, mais, quem se lembra como eram as pijamas roupas que a Colcci vendia?

UPDATE (08/07/2009): Encontrei uma imagem com o Bonequinho! (via @paulogabriel RT @gabi_oliveira)
 


Eram umas roupas básicas super baratinhas, focado no público pré-adolescente. As peças não tinham nada de diferente grandes diferenciais em termos de design ou qualidade.



Pouca gente sabe, mas, de repente, a Colcci sumiu. Briguinhas e mágoa de miguxa entre os miguxos sócios e ladroagem má administração levaram ao fechamento das lojas por um tempo e ao desaparecimento da grande marca no cenário das confecções brasileiras.



Aí, depois de um tempão, a marca reapareceu no mercado. Mas aí apareceu com outro posicionamento perante o mercado. Abandonou a chinelagem o negócio de "básico e barato" pra entrar para o mundo fashion. Com novos estilistas, as roupas ficaram mais ousadas, a marca começou a ser reconhecida como uma grife de moda, e não como uma simples lojinha de roupas. O layout e design dos pontos de venda também foram remodelados, copiando seguindo o estilo de lojar tradicionalmente fashion, como Forum, Ellus e Zoomp.



Mas, simplesmente chegar no mercado e dizer "Oi, mudei, agora sou uma loja de roupas caras. Paguem o preço que eu quero." depois de ser uma loja de roupas simples, não cola e nem rola. É aí que entram em ação os chamados mavens.



Por quê? Por que o que é moda só entra na moda se for difundido pelos formadores de opinião. Gente que tem prestígio e visibilidade. Na época, quem estava - e está - bem na fita era a gaúcha Gisele Bündchen. Gisele, com sua graça, beleza e persuasão, conferiu não só a legitimidade que a Colcci precisava para adentrar no universo fashion, como também atraiu os olhares para uma marca que estava há muito tempo sumida e que precisava ser relembrada.



Aí, ao ver uma rede de lojas com roupas modernas, sendo divulgada por uma modelo reconhecida, um expertise em moda vai passar a desejar e usar a marca e vai indicá-la para os seu conhecidos, que, por sua vez, vão indicar para os seus outros conhecidos, gerando buzz para a marca.



Esse caso trata-se de uma estratégia de mudança de posicionamento de uma marca no mercado. É discutível se realmente foi um reposicionamento, pois houve um longo período separando os dois momentos da marca. Mas, como a imagem de uma lojinha simples permanecia entre os consumidores, pode-se dizer, sim, que foi uma ação de reposicionamento, de upgrade de marca.



Essa é apenas mais uma prova sobre a importância da imagem hoje: Gisele Bündchen funcionou como uma garantia pública da transformação pela qual a marca passou.


Inspirado e utilizando termos de O Ponto de Desequilíbrio, de Malcolm Gladwell

22 comentários:

  1. Ótimo post!
    Bela sacada no gancho para os Mavens...

    E essa transformação da Colcci é bem interessante mesmo.
    Eu me lembro de ter roupas da Colcci quando pequeno.
    E na loja nova até hoje eu nem entrei... :)

    ResponderExcluir
  2. Bá, eu lembro do logo. Eu tinha um adesivo da carinha infame na minha janela e nem acredito que não achei 1 imagem sequer no google.

    Ué, mas tu não achavas que neste caso a Gi (íntima) era uma vendedora...?

    ResponderExcluir
  3. belo post, e um belo case a ser lembrado!

    agora a colcci tem que manter a imagem conquistada. bem que eles podiam me contratar hehe

    ResponderExcluir
  4. É verdade, mudou muito mesmo. Eu tinha essas roupinhas básicas. Mas a marca também se deu bem porque veio com muitas roupas legais. Bom produto, bom posicionamento do Marketing, ótima garota propaganda... não tem como dar errado né? Tudo certinho :D

    Bjos! legal o post :D

    ResponderExcluir
  5. nem pra me falar que tu tbm tem um blog...

    u.u

    ResponderExcluir
  6. Eu lembro do logo da Colcci! rs
    Realmente mudou bastante, uma tshirt basica tá em torno de 150. Quanto a Gisele, ela é tudo mesmo mas dizem que a Raquel Z.... já é a top né!?

    Abs garoto!

    http://calcajeansehavaianas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. coloridinho aqui!! =))

    eu achava bonitinho o bichinho da colcci, e realmente as roupas não tinham mtas opções. Eram camisetas e casacos basicamente.


    AH! encontrei o blog no "Fala,garoto!" do Adriel.


    =*

    ResponderExcluir
  8. tinha tempo que não visitava seu blog felipe, mas depois desse post vou vir mais vezes!

    e espero ler mais posts assim! me veio um mega flashback quando vc falou do bichinho estranho da colcci! engraçado que nunca tinha lido nada ainda sobre essa mudança da loja...

    beijos

    ResponderExcluir
  9. É sim! e o melhor é q nós trabalhamos juntos, então vc imagina a farra diária =))

    Engraçado o jeitinho q vc fala =D acho q é pq sou do nordeste e talz...

    ^^ começou a chover um pouco ontem, mas hje o dia tá com um sol lindão.

    se cuida!

    bjão

    ResponderExcluir
  10. Fala, Lipe! Tudo bem garoto? Tinha uma blusa da Colcci com o antigo logo....recordei-me....tenho uma mochila com o novo layout também...que diferença, hein?! Mas, diga-me uma coisa: quanto vc tá ganhando pra fazer essa propaganda toda?...rsrs...brincadeira, querido. Abração

    ResponderExcluir
  11. ahh que legal o post rodaika!!

    ehheeh tb tive um flashbach que nem a rach disse.
    lembro q tinha um moleton com o bichinho orelhudinho da colcci.

    mudou mtu e p/ melhor neh!!
    bjoo

    ResponderExcluir
  12. Eu nem sabia o que significava esse termo "mavens", valeu pelas informações !!

    Não sou muito ligado em Moda, mas achei interessante a forma como você descreveu este mercado midiático !!

    Abraço, Lipe !!

    ResponderExcluir
  13. tadinho do bichinho orelhudo,eu tinha adesivo dele também... que espécie de bicho será que era pra ser?heheh
    bj

    ResponderExcluir
  14. U-AU, hein? Tá bombando o teu blog, hein? ^^

    (aliás, informação aleatória: segundo o Google Analytics, a maioria das pessoas que entram no meu blog vêm do teu... sinixtro, né? ^^)

    Buenas, quanto à Colcci, eu não gostava nem desgostava do bichinho, pra mim ele era o irmão do Topogigio que usava moletom. XP hehe

    Acho as lojas mais lindas do mundo as da Colcci no Iguatemi e no Praia de Belas, dá muita vontade de trabalhar lá @.@ hehe. Mas, assim como o Maurício, nunca entrei...

    •abraçããão•

    ResponderExcluir
  15. rodaika bombando.

    tive que ler esse post até o final.
    muito bom, muito bom.
    mas a colcci era uó e SEGUE uó não dá nem vontade de entrar naquela loja, sério. Aqueles vendedores SUPER modernos te perseguindo, querendo te vender vestido de CHITA por trezentos reais.
    O mais legal é a pessoa entrar nessa loja com seu vestidinho do BIG (sim, o supermercado) de 16 pilas e a vendedora "aaaaaaaaai, que lindo, comprou aqui né?"
    e a pessoa responde "não, é de outra MARCA mesmo"


    :P

    amaral destilando veneno num comentári oque nem será lido :P

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Penso a mesma coisa, eu gostava do bichinho e do precinho; agora nem pensar em colcci umas bermuda de jeans surrado e rasgado horrorosas por R$ 400,00 pila é só pra gente chique mesmo, deixa eu com minhas roupas simples sem marca mas apresentaveis.

      Excluir
  16. ai gente, esqueci de por meu nome ali.
    sou eu a broooo

    ResponderExcluir
  17. QUERO QUE VÁ À FALENCIA. MARCA DE B....
    ANTI COMERCIAL. QUEM NASCEU CHINFRIN, MORRE CHINFRIN.
    O TATU NUNCA ESQUECE DO SEU BURACO!

    ResponderExcluir
  18. o bichinho era tao ridiculo que na minha cidade ninguem usava, e agora com esses preços...só entendi o que aconteceu lendo teu blog, parabens...

    ResponderExcluir
  19. Bom se todo mundo lembrasse de onde "surgiu" a marca, quem sabe assim seriam mais cientes e se perguntariam se realmente teria fundamento comprar roupas tao absurdamente caras, mas acho difícil.

    ResponderExcluir
  20. Olá...
    Eu usava as roupas da colcci na época que era o bonequinho, mas nunca achei que o logo da marca fosse ridículo, sempre gostei do tal boneco, achava e ainda acho que era simpático....e as roupas não eram tão baratas assim como foi falado....agora está sem condições de usar colcci...o designer das roupas mudou e o preço foi lá nas alturas, caro demais....

    ResponderExcluir